10h09

Há pouco mais de uma semana do início da vacinação contra a gripe, a procura pela imunização está satisfatória, conforme informa a Enfermeira do ESF 4, responsável pelas imunizações, Juliana Reolon Pujol.

Ela conta que a meta da campanha em São Pedro do Sul neste ano é vacinar 4.456 munícipes que estejam incluídos nos grupos de risco. Até agora, 44% desta meta foi atingida, sendo vacinadas 1.964 pessoas nas unidades de ESF.

A gripe é uma doença séria, que mata mais de 650 mil pessoas todos os anos, de acordo com um recente levantamento da Organização Mundial da Saúde (OMS). Além de causar aqueles sintomas clássicos — febre alta, nariz entupido, cansaço e dor no corpo —, ela está por trás de complicações como pneumonia e infarto.

O grupo de risco inclui: crianças de 6 meses a 5 anos; pessoas com mais de 60 anos; gestantes; mulheres que deram à luz nos últimos 45 dias; profissionais da saúde; professores da rede pública e particular; População indígena; Portadores de doenças crônicas, como diabetesasma e artrite reumatoide; indivíduos imunossuprimidos, como pacientes com câncer que fazem quimioterapia e radioterapia; Portadores de trissomias, como as síndromes de Down e de Klinefelter; Pessoas privadas de liberdade.

A vacinação está sendo feita nos ESFs 1, 2, 3 e 4 das 8h às 11h30min e das 13h às 16h, exceto nos dias de reunião de cada unidade, quando fecha às 15h.

No dia 12 de maio será realizado o Dia D de Vacinação contra a gripe. As unidades estarão abertas das 8h às 17h sem fechar ao meio-dia.